"FÉNIX"

Colectânea Literária

POESIA

 
   
   
 

ALGO BOM


Para o amor
que a entrega total
seja como uma flor
para o sorriso
uma larga intensidade
agarrada aos calcanhares do sol

:

do nascer ao se pôr
para o tempo
uma chance ao relógio
e a felicidade seja apraz
algo aceso
e que o objetivo
seja a criação da paz.

Alberto Araújo

 
   
   
 

AMOR SOBRE(VIVENTE)


O amor
sempre será o centro
das palavras intensas
que alumia a poesia
a transmutação das pessoas
a maresia
nos braços
(abrilhantado em calor)
o sabor dentro
da alma – a alegria
anexada ao coração
(sobretudo endereço e telefone)
a fim de que a moça
talhe na rocha a paixão
:
mas
para que o amor sobreviva
há sempre um que se(sobre) saia
do
n
a
u
f
r
á
g
i
o

Alberto Araújo

 
   
   
 

AMOR ETERNO E BRILHANTE


Amor brilhante
em terra
firme
desceu dos céus
em voos mágicos
e navegou em meu
mar – amor de pétalas
amor maior que a
paixão
alegria
e uma luz eterna
em mim
e até o
além o amor sem fim
amor brilhante
bate forte dentro
de
mim.

Alberto Araújo

 
   
   
 

CANÇÃO DE AMOR (2)


Amo-te
e nesta intensidade
eu mergulho – vivo
tão completamente
ao amor, que suas
essências e alegrias
estão contidas na
minha alma
um amor puro
e a sua magnitude
é como um rio na terra
que sacia a sede e acalma.

Alberto Araújo

 
   
   
 

O AMOR E O POEMA


O amor
nasce de um poema
e
corre o mundo,
e
suas margens são
as relvas e orvalhos
que solfejam os poros
o
poema
nasce da palavra de amor
e
desce ao estômago
palavras úmidas
que corre com a
chuva e o vento
para dentro do coração.

Alberto Araújo

 
   
   
 
Livro de Visitas