"FENIX"

Colectânea de Arte

 

 

 

ISABEL VARGAS

 

 

 

 
BIOGRAFIA
 
Isabel C S Vargas - Professora, advogada, jornalista, aposentada do serviço público, Especialista em Linguagens, escritora (contos, crônicas, poesia). Participante de mais de três centenas de livros, editados no Brasil, Argentina e Portugal, além de revistas literárias impressas e mais de trezentas publicações no Diário da Manhã – Pelotas - RS. Várias premiações entre elas a publicação de livro solo Pedaços de Mim. E-book Orvalho da Alma e o mais recente Sentimentos. Publicação de livro solo nº 23 da Coleção Acadêmicos Honorários da ALLB-RJ.
Membro dos Poetas Del Mundo, dos Confrades da Poesia, do Portal CEN, do Portal FENIX, da BVEC, do Portal UHE, do Portal SVAI, da Associação Internacional de Poetas, Embaixadora do Círculo Universal dos Embaixadores da Paz, Acadêmica Correspondente da Academia de Letras de Teófilo Otoni – ALTO, Acadêmica Correspondente da ALAF, Acadêmica Honorária do 1º Colegiado de Escritores Brasileiros, da Literária Academia Lima Barreto-RJ tendo sido conferido o Diploma de Distinção Literária, Acadêmica Titular cadeira 20 ALLB, Acadêmica correspondente da Academia de Letras do Brasil, Seção/Bahia, Acadêmica Correspondente da ALPAS/Século XXI. Organizadora da Antologia Despertar para a Celeiro de Escritores onde realizou revisões, prefácios e participou de vários livros. Tem textos publicados nos seguintes sites: Recanto das Letras, Webartigos, Netsaber, O artigonal , Brasil Escola , Gosto de Ler , Paralerepensar entre outros.
*** ***
Durante a década de 90 escrevia e publicava na imprensa artigos sobre Direito do Trabalho orientando o trabalhador A partir de 2006 começou a escrever contos, crônica, poesias e a publicar em livros, época que recebeu o primeiro convite.
Começou a visitar exposições de arte e eventos artísticos com mais assiduidade. Desenvolveu o gosto pelo artesanato e passou a fazer se qualquer curso. Começou om pintura em madeira fazendo mais de uma centena de trabalhos. Posteriormente passou a fazer tricô e croché, fazendo mantas e golas.
Após trágica perda, a necessidade de escrever se intensificou com forma de sobrevivência e surgiu a necessidade da arte em sua vida. Necessitava ver o belo para amenizar a dor. Então, surgiram as aulas de pintura.
Nestas aulas, de pintura em óleo sobre tela começou as primeiras pinceladas, a escolha das cores, o contato com este universo que jamais pensou ser possível desenvolver. Os trabalhos são baseados em revistas de arte, com artistas populares mostrando seus trabalhos, fornecendo modelos para iniciantes e ensinando o uso das cores. Em suas telas a predominância de flores, paisagens, e telas infantis para decorar os dormitórios de seus netos.
A escrita, o artesanato e as telas são fruto de sua necessidade de criar e presentear àqueles que foram essenciais e presentes nos momentos de sua vida. Entre as centenas de livros, objetos de artesanato e telas, nenhum foi realizado com intuito de lucro. Aqueles que não estão no acervo pessoal ou da família foram doados para amigos, jamais vendidos.
É uma singela lembrança para quem faz parte de sua trajetória, de alguma forma.
 

 

 

 

 

 

Livro de Visitas