"FENIX"

Colectânea Literária


Maria Thereza Neves
 

POESIA

 
 
Poesia
 
Pág. 1 de 21 Pág.
 
 

P

 
Prefácio
 
Longo caminho foi percorrido, muito ainda a percorrer...
Aqui, cada passo, cada rua mais escura ou ao luar,
cada esquina, cada olhar...
Tanto tempo que já me esqueci da realidade...
Há muito não escrevia um livro virtual...
aceitando o convite do Henrique Lacerda...
recordei das letras esquecidas nos armários,
nas prateleiras da alma !
Longo,longo... breve caminho,
poesias escolhidas, eternos momentos...
hoje meras ilusões !
Tudo isto, nada mais que a linguagem dos olhos
que faz, fez o coração parar!

12/12/2012
Maria Thereza Neves
 

P

 

SONETO A FERNANDO PESSOA

Maria Thereza Neves

Eterno "enigma" acordando sonhos,
Ao desdobrar em tantas "pessoas " ,
Deslumbra tantas almas, tantos anos,
Marcando passos , píncaros e glórias.

Pensa se perder e se perde na dor do Ser
Deixa-se o Poeta nas sombras ruir ,
Poesia das mãos fugir sem querer,
Tudo aos olhos, das entranhas fluir .

Sonetos em noturnos, horas indecisas,
Verdadeiros prelúdios, hinos da mente ,
Entre ilhas mortas, nostalgias e brisas.

Cada poesia, verso, uma mar de estrelas,
Perdido ,exilado nas estradas do UniVerso ,
Renasce conquistas, mágicas lembranças .

21/04/08
Maria Thereza Neves

 

P

 

Índice

(clicar em Pág. x , no topo)

 

Pág.2

Pág.3 Pág.4 Pág.5
A busca... Amadurecem os pensamentos Ave sem Asas Chuva de Verão
A chama que arde Antes de tudo... basta um alicerce ... Chuva fina
Á deriva ... as palavras ... s/titulo - caí... Deixei, ah, deixei...
s/titulo -A noite estava quieta... Até a lua chorou Casas de Versos... Dentro de mim
A poesia abre os olhos Até onde... Cataratas do Iguaçu Depois da curva...
Abrindo cortinas da Alma Atormentada Choro da alma Derrama-me ..
 

P

 

Pág.6

Pág.7 Pág.8 Pág.9
Desafios E haja amor no peito... Envie-me... Existem caminhos
Desilusão É hora ... Escultura Faço meu último Poema
Devolva a canção . E num instante... Eterna construção ! fale-me de estrelas...
Diluo-me... Eis a Poesia ... Eternamente... Fique...
E amanhã... Encantada... Eu não sabia... Fragmentos do silencio
É Dezembro...É Natal ... Entre o Despedir e o Sentir Eu sonho... Fuga
 

P

 

Pág.10

Pág.11 Pág.12 Pág.13
Fugindo a inspiração ! Mouse Não, não creio em mim O Lago do Cisne"
Içando minhas velas ! Muros & Liberdade Nobre ao menos ... o momento eternizado
Inesquecível Na quietude ... Noturnas Horas O silencio das águas
Melancolia Nada mais cabia em mim Numa noite de lua cheia... O tempo passa...
Meus pensamentos... Não era um sonho O gozo do oceano O vale...
Minha Praia... s/titulo - Não eram 7 horas... O Haiti Existe ! Olhando pra dentro
 

P

 

Pág.14

Pág.15 Pág.16 Pág.17
Os passos passam... Pilha de livros Ponto(s) de vista Saia do Tom
Palhaços da Vida ? Plagiando... Por que? Se pudesse...
Para que serve a poesia? Poderia ... Quando... Se abro todas...
Parecia ... Poemas & Música & Magia Queria fazer uma pausa Se eu voltar...
Pensando... Poesia, adeus ...? Queria ser um pássaro Se fecho os olhos !
Penso , recordo... Poeta & Leitor Realidades & Sonhos Se te imagino ...
 

P

 

Pág.18

Pág.19 Pág.20 Pág.21
Sentada no chão ... Sonolenta Tão Longe ... Um vazio de palavras...
Sentimento Sorrisos do sol Tenho fome Um verso triste
Silhueta Sou o frio... s/t tento manter o sorriso Uma calma louca...
Só mais uma vez... Suspiro D'Alma Triste chegada de 2010 Versos
Sol de Primavera Tantas notas... Última Inspiração Versos na Janela
Sonha … Tantos Eus em mim ! "Um adeus tão só” Vou escrevendo...
 

P

 

Livro de Visitas