"FÉNIX"

Colectânea Literária

POESIA

 
   

ODIR MILANEZ DA CUNHA

   
   

BIOGRAFIA
ODIR MILANEZ DA CUNHA


Na realidade, não me considero poeta. Por isso me defino como “um escriba que escuta a voz do vento e versa versos de amor, vagos, veros ou à vida.
Dedico-me, principalmente, ao soneto, com andanças em trovas, sextilhas, poesias livres e décimas cordelistas. Nesse esquema rimático, totalmente de improviso, através do site “Poesia Pura”, interagindo com os poetas Rubênio Marcelo, de Mato Grosso do Sul, e Fernando Cunha Lima, também de João Pessoa, criando situações e personagens, compomos o livro “A Odisseia de Xexéu, Xana e Xibina” e, logo após, como sequencia do tema, “ A Saga do Rei Zulu” , o segundo ainda não editado.
Há pouco, publiquei, pela Editora Livro Rápido, o meu primeiro livro solo: “Prateando Versos”, com duzentos sonetos.
Aposentado de função pública e profissional liberal, serenando a sequência de assédios às soluções de problemas, a poesia hoje para mim representa o vôo de um pássaro recém-liberto rasgando o azul dos sonhos em busca do infinito, É nesses voejos que me encontro comigo e comigo vivo em paz.

 

Sou somente um escriba
que escuta a voz do vento
e versa versos sem vida...


Odir Milanez da Cunha - oklima
João Pessoa/PB - Brasil

odirmilanez.blogspot.com
http://www.oklima.net

 

 

 

 

A Odisseia de Xexéu,

Xana e Xibina

 

Prateando versos

 

   
 
 
 
Livro de Visitas