FÉNIX

 

LOGOS Nº 13

MARÇO 2015

 

 

 
 

Mario Rezende

 

CONFUSO
Mario Rezende


Se eu fosse te comparar com um astro,
Eu diria que é uma gata... uma graça... garça
elegância e beleza... E, se eu te pensasse um animal
livre na natureza? Uma estrela?... Os olhos brilhando
como o reflexo do sol nas águas do rio, azuis, bem azuis
como a mata virgem... Verdes como o rastro da estrela cadente...
Ascendente como o calor que brota no desejo e sai das entranhas,
do âmago da Terra e se transforma no Sol que me inflama e pinta de fogo
a Lua cheia nas noites quentes de verão e aquece a libido,
a vontade de ter que surge, urge e ruge na cama de relva... de areia... nas nuvens,
a fêmea... flor...mulher... e eu me sinto assim como pólen.. spitz... um grão de areia...
Você me deixa confuso, sem fuso, sei lá, sem lá, nem cá, nem aí...

Mario Rezende
Rio de Janeiro - Brasil
www.recantodasletras.com.br/autores/mrrezende

 

 
 

Marisa Cajado

 

SER MULHER
Marisa Cajado


Ser mulher é sentir-se grandiosa
Conter em si, o perfume da rosa,
Mesmo o espinho a machucar.
É na feiura ser formosa,
E sentir-se gloriosa.
Saber falar e calar .

É ter um coração amante
Que saiba seguir adiante,
Ante a dor de renunciar.
É fazer-se dengosa
Como uma gata manhosa
Para o dono acariciar.

É ser grande e pequenina
Ser madura e ser menina.
Ser forte e fraca também.
É ser, quando procurada
A luz que ilumina a estrada.
Que leva além muito além.

Marisa Cajado
Guarujá - SP - Brasil
www.marisacajado.com

 

 
 

Marise Ribeiro

 

TRILOGIA
Marise Ribeiro


Chega a manhã em cânticos germinados;
Alvorada de sentimentos, explosão de cores,
Essência da vida brotando da semente...
Emoção!

Na quietude da tarde, as nuances do sentir,
O brilho do olhar no horizonte... Paz...
Universo em conspiração...
Amor!

Rosa negra aveludada com a noite...
Perfume do desejo envolvendo estrelas...
Coração vestindo fantasia, segredos de luz...
Paixão!

Marise Ribeiro
Rio de Janeiro - Brasil
www.mariseribeiro.com

 

 
 

Marlin Balbuena Bremm

 

Pensamento Seresteiro.
Marlin Balbuena Bremm


Dentro do meu silêncio,
no aconchego da minha rede
ouço bela melodia...
composta, por um pensamento seresteiro,
que me compõe maravilhas,
fazendo serenata...
na janela da minha vida,
Encantando o meu sossego.

Marlin Balbuena Bremm
Campo Grande- MS
http://marlinluzpoesia.blogspot.com.br/

 

 
 

Maura Soares

 

PROCLAMAÇÃO
Maura Soares


Não, não quero mais o travesseiro vazio
Quero tua mão estendida à minha procura
Quero o calor do teu beijo
Quero o dizer “bom dia, amor, dormiu bem?”

Não, não quero mais desculpas
quando te ausentas
e deixas o frio se acercar
e eu fico louca
sem o beijo de tua boca
e teu corpo a me aconchegar

Não, sem mais promessas
sem mais mentiras
retorna ou fica aonde estás
Cansei, cansei dos teus desatinos
Cansei de amores fugidios
Cansei de olhares furtivos
Cansei de promessas vãs

Levanto-me para um novo dia
De que adianta o lamento
Se não estás?
Liberto-me!

Maura Soares
Vice-Presidente do Grupo de Poetas Livres
Florianópolis - SC - Brasil
www.lachascona.blogspot.com

 

 

 

Livro de Visitas