FÉNIX

 

LOGOS Nº 13

MARÇO 2015

 

 

 
 

Rivkah Cohen

 

SÓ QUERIA UM ABRAÇO!
RivkahCohen


Depois de um dia ferrado
onde o medo vence o cansaço,
só queria chegar
 e receber um abraço,
onde escutasse
 o coração do ser amado!

Ah, mas é pedir demais
nesse mundo sem Paz
onde do amor não se fala mais,
é coisa que ficou lá pra trás!

Êta mundo vadio,
que só de pensar, dá arrepio.
Sempre a correr do desvio
 e a vida alí,
 por um fio.

Nestas horas,
a esperança vai embora,
tudo parece mesmo um escracho.
Custava
 ter um simples abraço?!

Rivkah Cohen - Tel Aviv
em Brasilia - DF- Brasil

 

 
 

Ronaldo Werneck

 

NATAL DE CASANOVA
Ronaldo Werneck


já em dezembro,
natal de prova,
me surpreendo
de casanova.

ano que vai,
vida que vem.
vem me ver, vai
olha que trem

sai daqui, sai
belém-blém-blém
nada é igual:

tudo renova
a vida pau
pra toda prova.

Ronaldo Werneck
Cataguases - Brasil

 

 
 

Rosa Soares

 

LÁGRIMAS DO CORAÇÃO
Rosa Soares


A vida...
O que é? Para além do que acontece antes da morte?
É presente...
Ganhamos sem pedir
Usamos sem querer
E perdemos num segundo
E tudo vira passado

Em busca de um significado
Tornei-me insignificante
Degradei-me aos bocados
Tentando em cada pedaço
Recolher estilhaços
A fim de construir um castelo
Envidraçado, embaciado

Para desenhar com os dedos nos dias de chuva
Mesmo sabendo que tudo será destruído por um trovão
E os que me forem socorrer
No chão que não sei se é formado de quê

Atirada, lixo ensanguentado
''Sangue é água com corante? Ou são lágrimas do coração?''
Assim estará escrito na minha pele
Em carne viva
E quem poderá responder?
Como poderei ouvir?
Se os meus ouvidos taparar-se-ão com edredom de algodão?

Rosa Soares
Luanda - Angola
http://www.meuagridoce.com/

 

 
 

Rosalina Herai

 

CHEGADA DA PRIMAVERA
SAKURA
Rosalina Herai


Onde andávamos hoje vejo tapetes de flores
As lembranças nas paisagens
As mesmas árvores florescem
Ao mundo enriquece

Sentados sob as sombras
Pétalas caem-gotas milagrosas
Caem flores das velhas árvores
Os presentes que enfeitam os passos
Enfeitam os corações

Rosalina Herai -
Brasil 
em Lida - Japão

 

 
 

Rosalinda Pessoa Mildner

 

SENTINELA NOTURNA
Rosalinda Pessoa Mildner


Ao fim da tarde
entre os muros do silêncio
chega à noite de imensa escuridão.

Os homens estão divididos
entre os bons e maus.
Perante os muros na cidade da escuridão.

Na batalha pela liberdade
gritam por clamores de esperança.
Derepente tudo se torna fogo
como as larvas do vulcão.
Nada mais resta só cinzas no chão.

Rosalinda Pessoa Mildner
Altenberg - Alemanha

 

 

 

Livro de Visitas