FÉNIX

 

 

Juraci da Silva Martins

 
 

AMIGO
Juraci da Silva Martins

Amigo é sempre
aquele alguém
que enobrece nosso viver
É presença mesmo distante
Faz parte do nosso universo
preenchendo os espaços
que as bolhas deixaram
após rebentarem
liberando o nada...
bolhas da fé, da esperança
que a fraqueza deletou.
Amigo é aquele alguém
que nos aplaude e nos contesta
e nem sempre diz amém
aos nossos comportamentos
Mas se alia como viageiros
na mesma estrada
compactuando dores, amores,
vitórias e fracassos.
É anjo da guarda
em todas as horas e momentos
é nosso alento.
Amigo é tudo isso e muito mais
É parte do nosso universo
incondicional, real e transcendental.

Juraci da Silva Martins
São Sepé - RS - Brasil
http://www.temponovo.prosaeverso.net/


Presidente e fundadora da ALAS - Academia de Letras e Artes Sepeense

 
 
 
 

Jussara Grapiglia Zanatta

 
 

SONETO DA PALAVRA
Jussara Grapiglia Zanatta

Quando tudo renasce em pleno coração
Vivo entre olhar e respirar a paixão
Estréia um céu impossível de medir
Do poder; magistral repleto por ouvir

Um olhar que vê a cor da vez que a vida tem
O sabor da liberdade; o voo da nave
Acertos de um querer bem
De alegrias, magias e reportagens...

Descoberto no interior do além
Transobserva o mundo radiado, em degustar, a companhia bonita
Contemplando palavras antes mesmo de serem ditas...

Sons de um amor na mesma sintonia
A boniteza pode ser um poema mudo
Vozes que nada falam,
Mas dizem tudo.

Jussara Grapiglia Zanatta
Santa Cruz - Planalto - RS - Brasil


J
ussara é membro do grupo ELOS Literário, pós-graduada em Letras - literatura - AEE; Com Especialização em AEE, Interdisciplinar, Gestão escolar (Adm. Orientação e Coordenação Educacional) Psicopedagogia, Educação Infantil e Séries Iniciais. Tem Participação em dezenas de coletâneas. Possui Livros editados pela CBJE: Poessencia, Por Amor Face a natureza, Haicais livres, Ideias Soltas- Para cada dia uma frase, Coração Maduro, Tercetos Soltos, O poder dos bons Poemas e Doce Invenção. LIVROS infantis A mais colorida Aventura Editora alternativa, Tudo por um pudim Editora Gaya.

 
 
 
 

Jussara Nodari Lucena

 
 

A PERGUNTA
Jussara Nodari Lucena

Ela me perguntou:

"Por que?
Porque logo hoje?
Com este céu
de um azul inocente
com este sol
- moeda de ouro
a negociar alegria -
por que hoje,
logo hoje,
quando o mar é aconchego
e bem-querer...
Por que?
Me diz porque
um rescaldo de tristezas
e de mágoas
vêm cravar-se no meu peito,
me angustia e me sufoca?"

...e eu não soube responder.

Jussara Nodari Lucena
Porto Alegre - RS - Brasil


Jussara Maria Nodari Lucena reside em Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul. Escritora e poetisa; graduada em Pedagogia e Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Possui contos e poemas premiados e publicados em Antologias e Coletâneas nacionais e internacionais. No Brasil: Ponto de Partilha I e Ponto de Partilha II, A Descoberta da Cidade – Memórias em Porto Alegre, Contos de Som e Silêncio, Histórias para lembrar, Os melhores contos para não deixar a vida esfriar, Minicontos coloridos, Poemas no ônibus e no Trem, edições 2014 e 2016 e Palavras 2016, publicação da Associação de Jornalistas e Escritoras Brasileiras. Em Portugal: Palavras de Veludo, Apenas Saudade, Perdidamente, Jardim das Palavras, Décadas, 4 Estações, Mar de Palavras, Entrelinhas, Vida e Vindimas, Perdidamente II, Na minha Cômoda, Sopro de Poesia, Poesia a Cores, todos do Grupo Editorial Múltiplas Histórias, Lisboa. No Uruguai: Letras Americanas – Cuentos e Poemas, Volumen III, e Sete Poetas de América, pela Editora Botella al Mar. Publicou, em 2014, o livro de contos solo, "Esta pele que eu não quero mais”, pela Editora WW.livros, de Porto Alegre/RS. Em breve, será publicado, pelo Grupo Múltiplas Histórias, em Lisboa/Portugal, seu poemário “De Rosas e Punhais”.

 
 
 
 

Kalil Guimarães

 
 

DIAS E NOITES
Kalil Guimarães

Na musicalidade do tempo
admirando o desfile das imagens
senti os valores da terra
que nos abriga e nos alenta
com a beleza das matas
com os mistérios do céu
mudando de cor
se dia ou noite
e se matizando
com os raios do sol
formando lindas sombras
entre as árvores


com o deslocamento das nuvens
que na sua coreografia
viram
anjos
homens
dragões
cavalos
cobras...

com rios de sangue
que correm nas veias da terra
com a linha do horizonte
que se transforma a cada momento
sinalizando a evolução
dos dias e das noites
para dar paz
aos nossos pensamentos
e nos sonhos vivermos
ardores
paixões
desejos
que se transformam
na magia dos sonhos
em sentimentos profundos
para termos noites de amores ardentes
e acordarmos extasiados
com o amor sonhado
e não vivido

quero amar na dança
dos dias e das noites
que me surja um amor
cheio de paixão
que a sexualidade seja intensa
para satisfazer no corpo
a grande virtude da vida
o amor.

Anely Guimarães Santos (Kalil Guimarães)
Brasilia - DF - Brasil


Kalil Guimarães é o pseudônimo de Anely Guimarães Santos. Nasceu em Pedreiras, Maranhão. Economista pela Universidade Federal do Maranhão-UFMA, Mestra em Desenvolvimento Urbano pela Universidade Federal de Pernambuco-UFPE, Mestra em Comércio Exterior pela Universidade de Barcelona, Especialização em Planificarão Econômica Espacial pela ONU/CEPAL/ILPES. Professora nas universidades: Federal do Maranhão (UFMA), Federal de Pernambuco (UFPE), Católica de Pernambuco (UCPE), Candido Mendes-RJ (UCAM) e Ibmec-RJ.
Na literatura publicou :
Bailando nos Sonhos” e “Tecendo Poesias” (poesias,2016),pela Editora Bookess;
Espelho de uma Alma", (poesias, 2017), pela Editora Prima Obra.
Participou do projeto PLATINUM VII, IX, X, XIV e Platinum Ouro, (Poesias e Textos, 2016), pela Editora Bookess.
Em 2017 participou do Projeto Douce Poésie II da “Academia de Letras Infanto-Juvenil de São Bento do Sul, estado de Santa Catarina”, pela Editora Prima Obra. Antologia Comentada (volume I) da Academia Poética Brasileira, EisFluencia (revista literária e informação) de Fevereiro 2017, Ano VII, No.XLV). De Abril de 2017, AnoVII, No.XLVI; De Junho 2017, Ano VII, No.XLVII; De Agosto 2017, AnoVII, No. XLVIII. Logos-Fenix, Maio 2017, No. 25, Julho 2017, No. 26, Setembro 2017, No.27. Antologia Raizes da Poesia – Souespoeta (Grupo Lusófono), Outubro 2017

 
 
 
 
 

 Flag Counter

Clique aqui para ver todos os detalhes e estatisticas do site