FÉNIX

Edição Especial "Mulheres pela Paz"

  2018

Nara Pamplona - Mulher - Art da autora

 

 

Lilian Rose M.da Rocha

 
 

O OLHAR
Lilian Rose M.da Rocha

Ventre
Pulsação
Da vida
Marcado
No ritmo
Da existência
Luta
Branda
Pelo ecoar
Faminto
Do grito
Da sobrevivência
Humana.
Nascemos
Choramos
Ou não...
Mamamos
Porém
Ainda falta
O olhar
A poética
Do encontro
No qual me reconheço
E esqueço tudo mais.
Agora sim
Olho-te
E te vejo
Em mim
Ah, que alívio... Mãe!

Lilian Rose M.da Rocha
Porto Alegre - RS - Brasil


Farmacêutica-Bioquímica (UFRGS), Especialista em Homeopatia (ABH)
Poetisa, Musicista (Liceu Palestrina)
Facilitadora Didata de Biodanza (IBF)
Formação em Educação Biocêntrica (CDH/UB)

 
 

 

Lin Quintino

 
 

MULHER
Lin Quintino

Ser, apenas,
mulher.
Nada mais, nada menos,
que ser mulher.

Preencher todos os espaços,
ter todos os cheiros que embriaguem,
ter toda a malícia que quiser,
mas ser, apenas, mulher.

Chorar, quando quiser,
se emocionar num olhar
sorrir, sentir e amar.

Ser aquela à quem se rende,
de quem se foge, mas se prende,
em seus caprichos e artifícios
em seu sorriso mulher.

Aos poucos se entregando
à loucura e ao prazer,
aos seus encantos cedendo
e revivendo desejos sem limites e sem pudor.

Mulher,
a você me prendo e me tendo.. .

Lin Quintino
Belo Horizonte - MG - Brasil
https://www.facebook.com/linpoesias


Lin Quintino, mineira, escritora, poeta, professora e psicóloga. Faz parte das Academias: ANLPPB- cadeira 99, ALPAS 21, sócia fundadora, cadeira 16; ALTO; ALMAS; ARTPOP; AMCL, cadeira 61; ACLA; AVL; Academia de Letras Y Artes Valparaíso (Chile); Núcleo de Letras Y Artes de Buenos Aires; membro da OPB e da Associação Poemas à Flor da Pele. Escreve mensalmente para o Caderno Literário Pragmatha. Correspondente da Revista Poemas do Brasil, núcleo MG; Autora dos livros de poemas Entrepalavras e A Cor da Minha Escrita e Na Outra Margem de Mim

 
 

 

Lionizia Goyá

 
 

MULHER ÁGUIA
Lionizia Goyá

Lágrimas sangrentas
De olhos lânguidos
Escapam de alma doente

Rolando face a baixo
Transpõe seu caminho
Em rosto sofrido

Escorre em pescoço rijo
Degolado de forças
Incapaz de girar em qualquer direção

Escorre em peito fechado
Irrigando coração
Seco de sentimentos

Seguindo direção natural
Açoita abdome turbulento
Infectado de contendas diversas

Desaba no chão.
A Terra transformam-nas.
Filtra sua essência.

Purificada. Sem contaminação.
Sedenta de devoção,
Renasce nova mulher.

Lionizia Goyá
Caçu - GO - Brasil


Artista Plástica, Escritora. Membro: REBRA (Rede de Escritoras Brasileiras), Alesg (Academia de Letras e Artes do Extremo Sudoeste de Goiás) e AGAV (Associação Goiana de Artes Visuais). Presidente da ALB/Uberlândia-MG. LIVRO: Bianca e o arco da aliança (conto poético infantil).

 
 

 

Lixa Palosa

 
 

A ARTE DE TER PAZ
Faça da paz sua arte
Lixa Palosa

Gratidão a você, que da arte criou o amor!
E do amor fez o Universo!
E nos ensinou a perdoar.
Isto nos trás a paz que tanto precisamos.
Preciso de paz a cada segundo.
A Paz inunda meu ser
Transforma em arte da sobrevivência.
Tornando-nos um ser melhor.
Que sabe amar, perdoar, que busca o infinito.
Como seria bom, que cada botão de rosa se transformasse em paz.
A paz é o gesto do perdão.
Perdoar é o mais nobre gesto de amor.
Perdoa, ama, busca a paz no seu interior.
Ela está bem perto, receba, transmite.
Porque melhor é dá do que receber.
Receba a minha paz, que é duradoura,
Disse o mestre dos mestres, nos transmitindo a paz.
Se fizer seu amor transbordar o mundo terá paz.
Essa paz que fez da mulher buscar seus direito e saber o que quer.
Ser forte, guerreira, exemplo sem igual para seus filhotes.
Amar incondicionalmente, transmitir e receber amor.
Por isso foi escolhida para geral o salvador,
Que nos trouxe sabedoria, amor e perdão.
Fazendo-nos seres melhores em busca constante pala paz.
Eu tenho a paz! A minha paz vos dou!

Lixa Palosa
São José dos Campos - Brasil


Lixa Palosa - Natural de Jardim Mato grosso do Sul. Mora em SJC!! Formada em Pedagogia, pós-graduada em Psicopedagogia Clinica e Institucional. Artes Visuais, cursando.
Atriz/diretora DRT nº 33770-SP/ Jornalista: Nº 63692-SP/ Registro na Ancine -29161 , Consulesa internacional, pelo movimento Cultural internacional. Presidente do Conselho Deliberativo da academia AVLA ,Vale Paraibana de Letras e artes. Acadêmica titular da Academia Vale-paraibana de Letras e Arte, Acadêmica titular da Academia Rotária de Letras, artes e Cultura. Acadêmica Correspondente da Academia Lorenense de Letras e Arte. Supervisora Internacional na empresa Movimento União cultural SJC. Grau de oficial da cultura, pela Coninter Artes

 
 
 
 

 Flag Counter

Clique aqui para ver todos os detalhes e estatisticas do site