FÉNIX

Edição Especial "Mulheres pela Paz"

  2018

Leonor Kierzberg - Hacia la Paz

 

 

Tânia Brito de Melo

 
 

MULHER AMISTOSA
Tânia Brito de Melo

Mulher amiga
Tem o maior amor do mundo
Dentro do seu coração
Sempre cabe boas amizades
O amor e sempre aceito
Carinho respeito gentileza

Paga sempre suas dividas
Com funções de débito e credito
Sem cobranças a explorar
Saldando com sentimentos de afeto
Escolhendo a forma de transferir
A fatura a qualquer hora.

Dividindo com as menores taxas
O carinho respeito a ganhar
Com acesso ao mundo inteiro
Debitadas especialmente ao peito
Onde pode sacar dobrado
Atenção amizade e apreso

Na assistência comprovada
Do sentimento de pura beleza
Do seguro gratuito gratidão
Onde o amor não tem preço
E amando você tem vantagens

Ofertando seu amor completo
Receberá brindes descontos
Parcelamentos e mimos especiais
Estejam sempre atentos
Quem ama transfere amor
A senha do coração de uma Mulher.

Tânia Brito de Melo
Brasília - Brasil

 
 

 

Tânia Diniz

 
 

PENÉLOPE
Tânia Diniz

Espero.
Tal Penélope
teço a teia
de suspiro e saudade

em ponto meia.
Às noites de lua
entremeio
fios de paixão
brilhos de prazer
bordados em canção
eu, toda nua,
vestindo tua mão.
Pronto o manto
envolvo de encanto
loucos sonhos na cama,

a trama de quem ama.
Tal Penélope
na noite sem lua
sem teus passos na rua
desmancho, desfaço,
meus pontos, teu laço.
A solidão, não meço.
Amanhã, recomeço.

Tânia Diniz
Belo Horizonte - MG - Brasil
www.mulheresemergentes.com


poeta e editora
Embaixadora Universal da Paz
Cercle Universel des Ambassadeurs de la Paix - Suisse / France
Poeta del Mundo
Editora Mulheres Emergentes

 
 

 

Tânia Mara Camargo

 
 

NATUREZA FEMININA
(Rondó dobrado)
Tânia Mara Camargo

O sol adiantou-se, a lua ainda dormia
Fartos seios, cheios, onde a luz vai morrer
Despedida habitual vai-se mais um dia
Magia dos deuses a nos envolver

O botão tímido espera o anoitecer
Sopra a brisa leve, pétalas em euforia
O veludo é delicado e ao umedecer
Faz a rosa orvalhada exalar tanta magia

Alvas flores cercadas por aleluias
Mil beijos, jasmineiro a padecer
Inebriados insetos e tem-se idéia
De quão afável, oloroso, de entontecer

Borboletas sonolentas a tremer
Observam o jardim em plena folia
Ágeis trepadeiras tentando ver
Os segredos que a aranha tem na teia

Quando a lua reaparece, arrepia
Incandescente, tem o no olhar o prazer
O sol em exaustão silencia
Acende um incenso para espairecer

Mas a dama sensual o quer
Inspirado, toma outro trago e vai...
O dia está atrasado, será que vai chover?
O mocho comemora tudo é amor e poesia!

À luz de velas a natureza feminina é bela!

Tânia Mara Camargo
Jundiaí - SP - Brasil


(Em 1997 – Livro – Vôo de Abiã; 2006 – 2.Prêmio Ebrahim Ramadan,Poesias Brasileiras, THS Arantes Edit.; Lançamento do Livro Digital SENSUALÍSSIMA Editora Emooby - Portugal; Participação em várias Antologias.)

 
 

 

Téka Castro

 
 

MULHERES FORTES DA MINHA FAMÍLIA
(Aos familiares da família Riveiro e Gonçalves)
Téka Castro

Dantes a vida tinha um contexto, difícil, sem tecnologia,
Mas com uma poesia trovadora.
Famílias vindas da Europa,
Numa tropa navegavam por navios tão cheios,
E, traziam seus sonhos por inteiro.
Mulheres que lutavam e ainda lutam por todos,
Por ideais que superam a própria existência.
A paciência herdada, a vida do campo dura,
Mas que traduzia a pureza, a certeza de um crepúsculo.
Hoje nos conflitos existências mulheres são um ponto a serem diferenciadas.
Antes mulheres guerreiras, lutavam na vida com sua sabedoria,
Hoje infelizmente, muitas com suas nádegas.
Então, valorizo aqui minha família,
Vinda da Europa, nos anos 50/60,
E, que hoje aguentam um mundo novo mas tão cheio de podridão.
Então, com um agradecer a minha mãe Deonilde que tanto lutou e luta,
Quero dizer que mulheres são fortaleza de Deus,
Onde se originou um templo,
Um sentimento, a pureza do feminino e do masculino,
A beleza de Deus em nossas células,
Numa infinita aquarela, que nos define a cada dia,
Que brilha nos palcos da vida, da arte ou de qualquer outra parte.
Sendo assim, reflito aqui meu agradecer a Deus por tantas mulheres fortes em minha família,
e nas quais criei minhas lindas filhas: Alexia Cristina e Anna Clara.
Assim, é a forma de amor que declara em poesia um amor único.
Deus obrigada por tudo,
Por todas as grandes mulheres desse meu mundo.

Tereza Cristina Gonçalves Mendes Castro - Téka Castro
São Paulo – SP - Brasil
http://recantodasletras.com.br/autores/tekacastro

http://escritoratekacastro.blogspot.com


Filha de portugueses Deonilde e Francisco. Nascida aos 30/06/1967. Formada em Química, escritora desde a tenra idade. Casada com Eduardo Riveiro Castro, Mãe de Alexia Cristina, Emmanuel e Anna Clara. Participante de várias antologias literárias. Participante da Alubra, ALPAS 21, Núcleo Acadêmico de Lisboa. Ambientalista. Espiritualista-Cristã.

 
 
 
 

 Flag Counter

Clique aqui para ver todos os detalhes e estatisticas do site